Páginas

terça-feira, 26 de outubro de 2010

FIM DE TARDE

relojes web gratis
SEMANA HALLOWEEN

 

ESPERANDO NA JANELA
Gilberto Gil



ESPERANDO NA JANELA
 Composição: Targinho Gondim / Manuca Almeida | Raimundinho do Acordeon 



Ainda me lembro do seu caminhar
Seu jeito de olhar, eu me lembro bem
Fico querendo sentir o seu cheiro
É daquele jeito que ela tem
O tempo todo eu fico feito tonto
Sempre procurando, mas ela não vem
E esse aperto no fundo do peito
Desses que o sujeito não pode aguentar, ah
E esse aperto aumenta meu desejo
Eu não vejo a hora de poder lhe falar
Por isso eu vou na casa dela, ai, ai
Falar do meu amor pra ela, vai
Tá me esperando na janela, ai, ai
Não sei se vou me segurar
Ainda me lembro do seu caminhar
Seu jeito de olhar, eu me lembro bem
Fico querendo sentir o seu cheiro
É daquele jeito que ela tem
O tempo todo eu fico feito tonto
Sempre procurando, mas ela não vem
E esse aperto no fundo do peito
Desses que o sujeito não pode aguentar, ah
E esse aperto aumenta meu desejo
Eu não vejo a hora de poder lhe falar
Por isso eu vou na casa dela, ai, ai
Falar do meu amor pra ela, vai
Tá me esperando na janela, ai, ai
Não sei se vou me segurar
----------------
FRASE DA VEZ:



"O amor é como fogo: para que dure e preciso alimentá-lo."                       
(François de La Rochefoucauld)
-----------------
FOTO OURO-DA-NATUREZA


 -----------------

Um comentário:

  1. Esta música é muito lindinha!
    Gil é sempre uma alegria.
    Rogoldoni

    ResponderExcluir