Páginas

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

'FOSCA' DE GOMES NA ALEMANHA !


'FOSCA' ESTRÉIA EM GIESSEN - ALEMANHA 
TEATRO DE GIESSEN

 An der Küste der Adria herrschen die Freibeuter und halten den venezianischen Adligen Paolo in ihrer Gewalt. Die Piratin Fosca verliebt sich in den Gefangenen und verspricht ihm die Freiheit, wenn er sie nur zur Frau nimmt. Paolos Herz gehört jedoch bereits der jungen Delia. Fosca kann sich zwar der verhassten Rivalin bemächtigen, muss aber erkennen, dass sie der Liebe zwischen Delia und Paolo nichts entgegen zu setzen hat. Als Herrscherin über Leben und Tod steht Fosca plötzlich vor der wichtigsten Entscheidung ihres Lebens.                   – Unerfüllte Liebe, dunkle Rachegedanken, grausame Entführungen und eine Phiole reines Gift… Gomes' Oper FOSCA steckt voll von tiefgehenden Emotionen. Und die musikalische Dramatik des brasilianischen Komponisten gibt dabei den nuancierten Blick frei, der in die Abgründe der menschlichen Seele führt. Nach LO SCHIAVO vor zwei Spielzeiten bereichert nun mit FOSCA abermals eine Opernausgrabung von Gomes das Gießener Repertoire – ein Muss für alle.
Fans außergewöhnlicher italienisch-romantischer Werke.



TRADUÇÃO:


Na Costa do Mar Adriático dominam os piratas corsários, que prendem violentamente o nobre veneziano Paolo.  A pirata Fosca se apaixona pelo preso e lhe promete a liberdade, se ele a tomar por esposa. Mas o coração de Paolo já pertence à jovem Delia. Embora Fosca tenha poder sobre sua odiada rival, tem que reconhecer que não pode fazer nada contra o amor entre Delia e Paolo. Como detentora de poder sobre a vida e a morte, de repente coloca-se Fosca diante da maior decisão de sua vida. - Amor não correspondido, negros pensamentos de vingança, horrendos sequestros  e um frasco de puro veneno... A ópera FOSCA de CARLOS GOMES desencadeia emoções profundas. E o drama musical do compositor brasileiro liberta um olhar gradual que conduz aos abismos da alma humana. Depois de LO SCHIAVO há duas temporadas, FOSCA enriquece agora - novamente - o achado operístico de CARLOS GOMES, dentro de seu caudaloso repertório - um must  para todos os fãs de obras extraordinárias românticas em italiano.

GIESSEN - ALEMANHA 
Gießen é uma cidade no estado federal (Bundesland) de Hessen da Alemanha, sendo capital e sede da região administrativa de Gießen e do distrito homônimo. A cidade localiza-se à beira do rio Lahn.
Gießen fica no centro de Hessen, estado central da Alemanha. A cidade grande mais próxima é Frankfurt. 
A população é de aproximadamente 76.000, com aproximadamente 24.000 estudantes universitários.
O nome Giezzen, como foi pela primeira vez referido em 1197, se refere à posição da cidade, entre vários rios, lagos e córregos. O maior rio de Giessen é o Lahn, que divide a cidade em duas partes (oeste e leste), aproximadamente 50 quilômetros ao norte de Frankfurt.


Em 1969, a cidade sediou o nono festival de estado de Hessentag.
 UNIVERSIDADE DE GIESSEN
Giessen entrou em ser como um moated castle em 1152, construído pelo Conde Wilhelm von Gleiberg, embora a história da Comunidade no nordeste e no subúrbio de hoje chamado "Wieseck" remonta a 775. A cidade se tornou parte de Hessen-Marburg em 1567, passando de Hesse-Darmstadt em 1604. Universidade de Giessen foi fundada em 1607. Giessen foi incluído no Grão-Ducado de Hesse, criado em 1806 durante as guerras napoleônicas. Após a I Guerra Mundial, era parte do estado de Hesse do povo.
TEATRO DE GIESSEN
Durante a Segunda Guerra Mundial, um pesado bombardeio destruiu cerca de 75% de Gießen em 1944, incluindo a maioria dos edifícios históricos da cidade. Após a guerra, tornou-se parte do moderno estado de Hesse.
 Dias:
17/2
7/3
22/3
14/4
Uma notícia realmente das mais felizes !!!
 CARLOS GOMES apresentado na Europa !
Estaremos lá, se Deus quiser !
 PRA DAR SORTE


3 comentários:

  1. Angela de Tullio Bertuzzo18 de agosto de 2012 06:35

    O que é bom sempre é reconhecido em ALGUM lugar. Esse ALGUM lugar é formado, e representa, as pessoas que o formam. Campinas é assim também...

    ResponderExcluir
  2. ...ou seja, Campinas é uma cidade sem coração, sem memória e, em contrapartida por este comportamento vergonhoso, claro...é a cidade-sem-teatro !

    ResponderExcluir